Conecte-se conosco

Economia

Gás de cozinha é vendido a R$ 120 no Centro-Oeste após alta recente

Preço do gás de cozinha de 13 kg atinge níveis recordes no Centro-Oeste, com botijão sendo comercializado a R$ 120 em alguns locais.

Publicado

em

O preço do gás de cozinha registrou mais uma alta na última semana, e o botijão de 13 kg já chega a ser vendido a R$ 120 em algumas cidades do Centro-Oeste. O valor representa um acréscimo de 0,4% na comparação com a semana anterior, sendo justificado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) com base na dificuldade de acesso à região.

No Sudeste, 0 botijão está sendo vendido a um preço médio de R$ 65 após o reajuste anunciado pela Petrobras em abril. A região brasileira tem o gás mais barato do país. As mudanças no preço ocorrem mensalmente, ao contrário do que ocorre com outros combustíveis como petróleo e derivados.

Já a gasolina registrou alta de 0,4% no mesmo período, subindo para R$ 5,465 o litro na média. A região Norte ocupa a liderança do ranking de combustível mais caro do país, com a gasolina sendo vendida a R$ 6,890 por litro na média.

Essa elevação consecutiva no preço dos combustíveis tem sido alvo de descontentamento do presidente Jair Bolsonaro, que recentemente optou por trocar o comando da Petrobras. Dessa forma, o general Joaquim Silva e Luna ficou no lugar de Roberto Castello Branco na chefia da empresa estatal.

Embora a crise sanitária mundial tenha afetado a maior parte das empresas brasileiras, a Petrobras registrou lucro recorde de R$ 7 bilhões no quarto semestre de 2020.

Leia mais: Petrobras faz novo reajuste no preço do diesel e da gasolina

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.