Conecte-se conosco

Empresas

JBS desenvolve plataforma blockchain para monitorar cadeia produtiva

O processo começou em abril

Publicado

em

Covid-19 irá favorecer JBS

A JBS implementou uma plataforma blockchain desenvolvida pela própria companhia, conforme comunicado ao mercado.

De acordo com o documento, o movimento começou em abril e o projeto que permitirá avanços inéditos no monitoramento da cadeia produtiva de bovinos no Bioma Amazônia.

“Neste mês, iniciou-se o cadastro de produtores na Plataforma Pecuária Transparente, ferramenta que, com tecnologia blockchain, tornará possível estender aos fornecedores dos fornecedores de gado para a indústria o monitoramento socioambiental com segurança de dados, confiabilidade e engajamento dos produtores”, destacou.

E acrescentou: “ao aderir voluntariamente à Plataforma, o produtor que negocia animais diretamente com a JBS vai informar a lista de seus fornecedores de animais na plataforma, desenvolvida pela empresa especializada Ecotrace. Essas informações serão enviadas eletronicamente para validação da Agri Trace Rastreabilidade Animal, sistema da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil).”

JBS implementa plataforma blockchain desenvolvida pela própria companhia

JBS

Conforme a empresa, uma vez autorizada pelo produtor, a CNA verifica se a lista de fornecedores está completa.

Empresas credenciadas na plataforma, como a Agrotools, processarão a análise de conformidade socioambiental com base nos mesmos critérios utilizados atualmente pela JBS, em acordo firmado com o Ministério Público Federal (MPF), para verificar a existência de:

  • desmatamento, respeitando o Código Florestal Brasileiro,
  • invasão de terras indígenas ou unidades de conservação ambiental,
  • trabalho análogo à escravidão e
  • uso de áreas embargadas pelo Ibama.

O resultado dessas análises será enviado diretamente ao fornecedor da JBS, que, pela primeira vez, terá uma visão da conformidade socioambiental de toda sua cadeia de fornecimento.

Com isso, poderá desenvolver planos para mitigar riscos e implementar ações para ajudar os produtores a regularizar as situações quando necessário.

“Em nenhum momento a JBS terá acesso a informações sensíveis, tendo acesso apenas ao resultado da análise socioambiental. Graças à tecnologia blockchain, será possível manter o compromisso com a confidencialidade das informações de terceiros”, elencou.

A companhia está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker JBSS3.

Veja o comunicado:

JBS implementa plataforma blockchain desenvolvida pela própria companhia

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.