Conecte-se conosco

Agronegócio

Exportações do agronegócio do Brasil batem recorde em 2021 e somam US$ 120,6 bilhões

Em dezembro, o setor também atingiu recorde, somando US$ 9,88 bilhões

Publicado

em

Terra Santa Agro reporta prejuízo líquido de R$38,2 mi no 1º tri de 2021

Nesta quinta-feira (13), o Ministério da Agricultura informou em nota que as exportações do agronegócio do Brasil somaram recorde de US$ 120,59 bilhões (R$ 666,75 bilhões na cotação atual) em 2021, registrando alta de 19,7% em relação ao ano anterior.

Em dezembro, o setor também atingiu recorde, somando US$ 9,88 bilhões (R$ 54,6 bilhões), 36,5% superior aos US$ 7,24 bilhões (R$ 40 bilhões) no mesmo período de 2020.

Segundo a nota, o crescimento do índice de preços dos produtos e a redução do volume embarcado contribuiu para o aumento das exportações no acumulado do ano passado. Com exceção dos meses de janeiro e fevereiro, a soja teve grande destaque para o volume exportado no período.

De acordo com os analistas, os destaques foram para soja em grãos (2,71 milhões de toneladas; +889,5%); farelo de soja (1,72 milhão de toneladas; +82%); celulose (1,64 milhão de toneladas; +28,8%); e carnes (667 mil toneladas; +3,3%).

No acumulado do ano, a soja em grão somou recorde de US$ 38,63 bilhões (+35,2%). De acordo com os dados, houve expansão de 3,8% em volume, atingindo uma máxima histórica de 86,10 milhões de toneladas embarcadas.

Mesmo diante dos recordes, o setor apresentou recuo nas vendas externas, representando 43% das exportações totais do ano anterior, queda de 5,1% em relação à 2020.

Além disso, outros produtos importantes para o desempenho anual do agronegócio foram os setores de carnes, produtos florestais e açúcar.

Publicidade
Comentários

MAIS ACESSADAS