Conecte-se conosco

Economia

INSS: Sabia que sua aposentadoria pode aumentar com descarte de contribuições?

Pra pingar um a mais na conta

Publicado

em

Aposentado pode ser MEI?

Muitos aposentados e pensionistas tem o desejo de fazer crescer sua renda ou benefício e, por isso, fazem tudo o que está ao seu alcance para conseguir uma nova análise junto ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

E há uma nova chance, pois a reforma da Previdência de 2019 criou um artifício que permite o aumento da aposentadoria por meio da contribuição em cota única.

Trata-se do descarte de contribuições que pode gerar ampliação da média salarial sobre a qual o benefício será calculado, o que desobriga que esse cálculo seja realizado sobre um número mínimo de recolhimentos.

13º Salário INSS

INSS

Porém, conforme o Instituto, existem restrições. Isso porque as contribuições descartadas não podem ser usadas para quaisquer finalidades e o trabalhador deve manter número suficiente de recolhimentos para cumprir a carência do benefício (15 anos).

Outras regras também devem ser observadas, como idade mínima e período total de recolhimentos para atender exigências das regras permanentes.

O INSS destacou, ainda, que uma vez que a média salarial só começa a valer de julho de 1994 até hoje, se as contribuições anteriores forem menores, basta descartá-las.

Por exemplo: um trabalhador que tenha eventualmente cumprido a carência naquele período poderia, por exemplo, descartar todos os recolhimentos com potencial de rebaixar sua média salarial.

Assim, o INSS é obrigado a conceder o maior valor de benefício possível e seus segurados. Com isso, basta solicitar ao servidor o cálculo e eles se responsabilizam pela orientação.

Leia também: INSS: Sabia que crianças e adolescentes podem receber benefício de R$ 1.100?

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.