Conecte-se conosco

Empresas

Petrobras anuncia venda de usinas termelétricas para subsidiária da Global Participações

A petroleira está na bolsa sob o ticker PETR4

Publicado

em

A Petrobras anunciou a venda de usinas termelétricas para subsidiária da Global Participações, conforme documento encaminhado ao mercado.

De acordo com a estatal, trata-se de assinatura de contrato com a São Francisco Energia, subsidiária da Global Participações em Energia.

A transação envolve três usinas termelétricas movidas a óleo combustível, localizadas em Camaçari, no estado da Bahia (UTEs Polo Camaçari).

O valor da venda é de R$ 95 milhões e não considera os ajustes previstos em contrato até o fechamento da transação, que está sujeita ao cumprimento de condições precedentes, a exemplo das aprovações do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) e da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Petrobras

Petrobras

A Petrobras elencou que o projeto de desinvestimento da UTE Canoas, localizada no estado do Rio Grande do Sul, permanece em andamento e as etapas subsequentes serão divulgadas ao mercado oportunamente.

A presente divulgação ao mercado está de acordo com normas internas da Petrobras e com o regime especial de desinvestimento de ativos pelas sociedades de economia mista federais, previsto no Decreto 9.188/2017.

Essa operação está alinhada à estratégia de otimização do portfólio e à melhora de alocação do capital da companhia, visando à maximização de valor para os seus acionistas.

Usinas

As UTEs Polo Camaçari são ativos da Petrobras e englobam as usinas Arembepe, Bahia 1 e Muricy, com potência total instalada de 329 MW. As usinas operam com óleo combustível e têm contratos de comercialização de energia no ambiente regulado com vigência até dezembro de 2023 para as UTEs Arembepe e Muricy e até dezembro de 2025 para a UTE Bahia 1.

A Global Participações em Energia atua desde 2001 no segmento de geração de energia, controlando sete usinas, distribuídas nos estados do Rio Grande do Norte, Amazonas, Tocantins e Bahia. Possui grande experiência na operação de termelétricas a óleo combustível, sendo estratégica a aquisição das UTEs Arembepe, Muricy e Bahia 1 pelo fato de ampliar sua carteira de ativos de geração, especialmente na Bahia, onde já opera duas Usinas similares.

A petroleira está listada na bolsa brasileira sob o ticker PETR4.

Veja o documento:

Petrobras anuncia venda de usinas termelétricas para subsidiária da Global Participações

Publicidade
Comentários

Empresas

BRF pretende investir R$55 bi até 2030, incluindo desembolsos de 2021

A BRF está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker BRFS3

Publicado

em

A BRF pretende investir R$ 55 bilhões até 2030, incluindo os desembolsos de 2021, conforme fato relevante encaminhado ao mercado.

De acordo com o documento, a estimativa prevê limite prudencial de alavancagem financeira líquida (razão entre a dívida líquida e o EBITDA Ajustado dos 12 meses anteriores) de até 3 vezes.

Também disse que o período de 2021 a 2024 leva em consideração a estimativa de atingimento de receita líquida de aproximadamente R$ 65 bilhões, com crescimento do EBTIDA em duas vezes em relação aos últimos 12 meses findos em 30 de setembro de 2020.

E acrescentou que o período de 2025 a 2027 leva em consideração a estimativa de crescimento da receita líquida e do EBTIDA em aproximadamente 2,5 vezes em relação aos últimos 12 meses findos em 30 de setembro de 2020 e com crescimento da receita em mais de 60% no mercado brasileiro.

BRF

Ainda de acordo com o documento, em relação ao período de 2028 a 2030, a companhia leva em consideração a estimativa de atingimento de receita líquida em mais de R$ 100 bilhões e de crescimento do EBTIDA em mais de 3,5 vezes em relação aos últimos 12 meses findos em 30 de setembro de 2020, com Margem EBITDA média acima de 15%, margem líquida média de 6% e retorno sobre o capital investido (“ROIC”) de 16%, aproximadamente.

A BRF está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker BRFS3.

Continue lendo

Empresas

Bradesco assina acordo de incentivos com Elo sobre vendas de cartões 

O Bradesco está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker BBDC4

Publicado

em

Crédito: Veja

O Bradesco assinou acordo de incentivos com Elo sobre vendas de cartões, conforme comunicado encaminhado ao mercado.

De acordo com o documento, o acordo estabelece as condições para concessão de incentivos da Elo para o Bradesco, visando a incrementar as vendas de cartões da bandeira Elo   (instrumentos   de    pagamentos),   emitidos   pelo Bradesco    e,    consequentemente,    a    aumentar    o    volume    de transações nos referidos instrumentos de pagamentos.

Também disse que o Bradesco mantém acordos semelhantes com outras bandeiras. A manutenção de acordos de incentivo é parte do relacionamento existente entre o emissor do cartão (Bradesco) e os arranjos de pagamentos (ex. bandeira Elo).

E acrescentou que as companhias acordaram metas para a realização do objeto, as   quais   estão   relacionadas   ao   volume   de   transações   dos instrumentos de pagamento (cartões bandeira Elo).

Bradesco – Elo

Ainda de acordo com o documento, o valor dos incentivos que serão concedidos ao Bradesco em troca da realização do objeto será diretamente proporcional ao volume transacionado nos produtos débito, pré-pagos e crédito, conforme a performance do Bradesco e da Elo.

A celebração do Acordo obteve as aprovações necessárias e seguiu todas as normas estabelecidas na Política Interna.

A negociação entre   as   partes   foi   realizada   com   ausência   de   conflitos   de interesses e em condições comutativas.

O Bradesco está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker BBDC4.

Continue lendo

Empresas

Cosan anuncia pagamento de dividendos intercalares no valor de R$700 mi

A companhia está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker CSAN3

Publicado

em

A Cosan anunciou o pagamento de dividendos intercalares no valor de R$ 700 milhões, conforme aviso aos acionistas encaminhado ao mercado.

De acordo com o documento, o montante corresponde a R$ 0,374619350 por ação ordinária, desconsideradas as ações em tesouraria, sem retenção de Imposto de Renda na Fonte.

Também disse que os referidos dividendos terão como base de cálculo a posição acionária de 14 de dezembro de 2021, sendo que, a partir de 15 de dezembro de 2021, as ações da companhia sob o código de negociação “CSAN3” serão negociadas “ex” dividendos.

E acrescentou que o pagamento dos dividendos ocorrerá no dia 28 de dezembro de 2021, e o crédito correspondente será realizado de forma individualizada a cada acionista.

Cosan

Ainda de acordo com o documento, os acionistas usuários das custódias fiduciárias terão seus valores disponibilizados conforme procedimento adotado pelas Bolsas de Valores.

Aos acionistas cujo cadastro não contenha a inscrição do nº do CPF/CNPJ ou indicação de banco, agência e conta corrente, os dividendos serão creditados a partir do terceiro dia útil contado da data da solicitação de atualização do cadastro, desde que os interessados providenciem a regularização de seu cadastro, pessoalmente, em uma das agências do Itaú Unibanco S.A. American Depositary Shares (ADSs)

Para os detentores de American Depositary Shares (ADSs) negociados na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), o pagamento ocorrerá através do J.P. Morgan Chase Bank NA (JPM), banco depositário dos ADSs da Cosan.

A companhia está na bolsa brasileira (B3) sob o ticker CSAN3.

Continue lendo

MAIS ACESSADAS