Conecte-se conosco

Imposto de Renda - IRPF

Vale a pena antecipar a restituição do Imposto de Renda? Confira o que dizem os especialistas

Estamos na reta final do prazo para fazer a declaração do Imposto de Renda, e o prazo da restituição está prestes a começar.

Publicado

em

Quem deixou para fazer o Imposto de Renda na última hora, vai demorar bastante para receber este valor, pois os últimos lotes ficaram com data para o terceiro trimestre deste ano.

Veja também: Declaração do Imposto de Renda aos casais e algumas questões

Devido a esta demora, alguns bancos tem linhas de crédito para quem precisa antecipar a restituição, entretanto são cobrados juros por este adiantamento, e cabe ao contribuinte decidir se vale a pena pagar este valor ou não.

Mas segundo o conselho de economistas, contratar este tipo de serviço apenas para deixar o dinheiro guardado não é uma escolha inteligente. O ideal é recorrer a este tipo de empréstimo apenas em casos de emergência, pois os juros que provém dele não compensa o investimento.

Outra decisão não inteligente, resgatar a restituição antecipadamente para fazer compras desnecessárias, ou seja, que podem tranquilamente aguardar o pagamento na época certa.

O G1 realizou uma pesquisa, onde conferiu as taxas dos principais bancos do país em caso de antecipação da restituição. Confira abaixo:

• Itaú Unibanco: a partir de 2% ao mês;
• Banco do Brasil: a partir de 1,99% ao mês;
• Santander: a partir de 1,89% ao mês.
• Caixa: a partir de 1,78% ao mês.

O prazo para declaração do Imposto de Renda vai até dia 31 de maio, que é também quando começa o prazo de restituição. Abaixo está os prazos de pagamento da restituição, conforme os lotes de declaração.

1º lote – 31 de maio de 2022;
2º lote – 30 de junho de 2022;
3º lote – 29 de julho de 2022;
4º lote – 31 de agosto de 2022; e
5º lote – 30 de setembro de 2022.

Publicidade
Comentários

MAIS ACESSADAS