Conecte-se conosco

Política

Auxílio emergencial: Bolsonaro garante 4 parcelas de R$ 250 a partir de março

Presidente também afirmou que o governo trabalha na reformulação do Bolsa Família a partir de julho.

Publicado

em

Bolsonaro

Ainda que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) Emergencial esteja travada no Congresso, o presidente da República Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira, 25, em transmissão ao vivo, que o auxílio emergencial deve ser pago por quatro meses. De acordo com ele, o benefício começará em março no valor de R$ 250. 

Bolsonaro também comentou que o governo trabalha em uma nova proposta para reformular o programa Bolsa Família a partir de julho, quando a nova rodada do auxílio for encerrada. 

A PEC, que tramita no Senado, é a contrapartida exigida pelo governo para disponibilizar o benefício em 2021. Desde dezembro do ano passado, o pagamento do auxílio emergencial está suspenso. 

Conforme estimativas de Daniel Duque, pesquisador da Fundação Getúlio Vargas (FGV), mais de 22 milhões de brasileiros que não eram pobres em 2019, antes da pandemia, entraram na faixa da pobreza neste início de 2021, como reflexo direto do encerramento do benefício e aumento do desemprego.

Você pode gostar
Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.