Conecte-se conosco

Criptomoedas

PayPal amplia suporte a bitcoin e outras criptomoedas

Serviço de compra, venda e armazenamento de criptomoedas estará disponível para clientes dos EUA.

Publicado

em

Bitcoin

O serviço de pagamento online, PayPal, oficializou o armazenamento, compra e venda de criptomoedas na carteira digital. A solução estava em fase de testes desde outubro, mas requisitava o cadastro na lista de espera. A partir de então, ela passa a ser disponibilizada a todos os usuários nos Estados Unidos, com opção de negociação de bitcoin, litecoin, ether e Bitcoin Cash pela ferramenta.

Com o anúncio oficial, o PayPal também avançou de US$ 10 mil para US$ 20 mil o limite semanal para aquisições de criptomoedas no sistema. Para os estadunidenses efetivarem as transações, a empresa fechou um acordo com a Paxos Trust Company, autorizada por reguladores dos EUA.

Por meio do comunicado sobre o lançamento do serviço, o PayPal ressaltou não cobrar pelo armazenamento de criptomoedas. Além disso, informou que até o final deste ano não haverá tarifas de compra e venda. 

Desse modo, as taxas incidirão a partir do começo de 2021, a variar conforme o valor da transação. Sendo assim, serão cobrados: US$ 0,50 (até US$ 24,99), 1,5% do valor (acima de US$ 1 mil), 1,8% do valor (entre US$ 200,01 e US$ 1 mil), 2% do valor (entre US$ 100,01 e US$ 200), 2,3% do valor (entre US$ 25 e US$ 100). No ano que vem, o PayPal deve disponibilizar a opção para os clientes pagarem com criptomoedas nos seus parceiros. Também, a companhia objetiva ofertar o armazenamento, compra e venda de bitcoin e demais criptomoedas no Venmo, seu serviço de pagamentos, ampliando a solução para mais países.

Continue lendo
Publicidade
Comentários