Conecte-se conosco

Ações, Units e ETF's

PetroRio (PRIO3): BTG reitera Compra por conta do ciclo positivo das commodities

A petroleira está bem-posicionada para capturar o ciclo positivo das commodities

Publicado

em

3R Petroleum anuncia aquisição das ações da Duna Energia

O BTG Pactual reiterou sua recomendação de Compra para PetroRio (PRIO3) com preço-alvo em R$ 47,00 por ação, conforme relatório encaminhado ao mercado.

Para o banco de investimentos, a petroleira está bem-posicionada para capturar o ciclo positivo das commodities, ao mesmo tempo que oferece uma grande independência de riscos domésticos no meio de um ano eleitoral.

“Apoiado por um bom histórico operacional e um desempenho inferior não merecido nas últimas semanas, vemos as ações oferecendo um bom ponto de entrada”, destacou.

BTG – PetroRio (PRIO3)

De acordo com o BTG, a PetroRio divulgou seus dados operacionais de dezembro juntamente com a produção e volume de vendas do quarto trimestre de 2021 e do ano fiscal de 2021.

A produção mensal consolidada disparou 9%, para 34,2 kb/d, o melhor desempenho em 2021 e um novo recorde. A produção média do 4T foi de 32,3  kb/d (+ 2% t/t), enquanto o número anual foi de 31,6 kb/d (+ 19% a/a).

O crescimento da produção mensal foi impulsionado por Frade (+ 13% m/m a  15,6kb/d) e Polvo + TBMT (+ 12% m/m a 17,0kb/d), embora a produção deste  último tenha sido impactada por uma parada em um dos seus poços em dezembro.

Também registrou volumes de vendas de 1,9MMbbl em dezembro, em linha com outubro (não houve vendas em novembro), resultando em vendas de  3,8MMbbl no 4º trimestre (+ 54% t/t).

“Após um ano de solavancos operacionais que impediram a empresa de operar em níveis ótimos nos polos Frade e Polvo + TBMT, a produção de dezembro deve ser bem recebida pelos investidores devido à boa melhora m/m e por trazer sinais adicionais de normalização operacional”, ressaltou.

E complementou: “a produção de Polvo + TBMT surpreendeu positivamente. Depois de concluir a intervenção necessária em dois de seus poços em meados de novembro, a produção cresceu 12% m/m, embora a falha em outra bomba em TBMT (poço OGX-44HP) garantiu um declínio de produção no cluster de 1,4 kb/d em dezembro – as obras de intervenção no poço OGX-44HP têm previsão de conclusão em janeiro.”

Para o BTG, a produção final de 2021 de 31,6 kb/d ficou ligeiramente abaixo do que era esperado, mas muda muito pouco em termos de potencial de geração de valor para os próximos anos.

Em 2022, os investidores devem se concentrar na campanha de revitalização de Frade, na capacidade da PRIO de manter a produção de Polvo + TBMT em níveis normalizados e nos esforços iniciais da empresa para desenvolver o prospecto Wahoo.

Veja PRIO3 na Bolsa:

Publicidade
Comentários

MAIS ACESSADAS