Conecte-se conosco

Economia

Auxílio emergencial tem chance de ganhar nova prorrogação?

Aprovação da PEC dos Precatórios será decisiva para determinar os próximos passos do governo e sua equipe na véspera de ano eleitoral.

Publicado

em

Auxílio emergencial

Desde o começo de novembro, cerca de 22 milhões de brasileiros deixaram de receber o auxílio emergencial, cujos depósitos da sétima parcela terminaram em outubro. Atualmente, a aposta do governo na questão de transferência de renda tem sido o Auxílio Brasil, substituto do Bolsa Família.

Leia mais: Novo auxílio de R$ 400 pode sair antes do Natal deste ano?

No entanto, de acordo com suas regras, o novo programa não contempla quem ficou órfão do auxílio emergencial. Apenas quem já estava cadastrado no Bolsa Família, assim como as famílias na lista espera com Cadastro Único (CadÚnico), vão receber a ajuda.

Com isso, muitas pessoas ainda aguardam com esperança o anúncio de uma nova prorrogação do auxílio emergencial. Mas, isso pode de fato acontecer?

Nova prorrogação do auxílio emergencial

Mesmo que o Auxílio Brasil já tenha sido lançado, e a PEC dos Precatórios tenha chegado no Senado, integrantes do governo acreditam que o tema que trata da fonte de cursos do novo programa pode fracassar, inviabilizando assim o pagamento dos R$ 400 prometidos para o novo Bolsa Família.

Se isso acontecer, não são descartadas as chances de uma nova prorrogação do auxílio emergencial, visto que o descumprimento do aumento do Auxílio Brasil pode gerar uma imagem negativa para o governo na véspera de ano eleitoral.

Por outro lado, auxiliares do presidente Jair Bolsonaro dizem que a PEC dos Precatórios, que garantiria o novo aumento do Auxílio Brasil, vai ser aprovada, porém somente a partir da segunda quinzena de dezembro.

Publicidade
Comentários

MAIS ACESSADAS