Conecte-se conosco

Bancos

Banco Central poderá excluir os bancos do Open Finance

Uma alteração realizada pelo Banco Central, em março de 2022, permite que os bancos sejam dispensados da estrutura Open Finance.

Publicado

em

Uma alteração realizada pelo Banco Central, em março de 2022, permite que os bancos sejam dispensados da estrutura Open Finance. A iniciativa tem como objetivo elevar a competitividade do sistema financeiro.

Veja também: Banco Central faz alteração na norma que pode dispensar os bancos do sistema financeiro

Depois da alteração, o Banco Central irá analisar caso a caso, a partir dos critérios de número e perfil dos clientes, uso de canais digitais e os serviços oferecidos.
A dispensa foi requisitada pelo setor financeiro, principalmente os bancos de atacado.

Para o Head de Operações da Belvo, Leandro Nobrega, a plataforma de APIs de Open Finance, a novidade não terá impacto no sucesso Open Finance.

A dispensa de bancos, por meio de uma análise do Banco Central, não afeta o sucesso do Open Finance, pois, dependendo do tipo de clientes e serviços oferecidos daquela instituição, realmente não há a necessidade de uma obrigatoriedade de sua inclusão para atingir as metas e princípios definidos no Sistema Financeiro aberto.

Isso não quer dizer que essas instituições posteriormente não possam entrar de forma opcional, uma vez que elas poderão enxergar a viabilização de novos modelos de negócio por meio do Open Finance”, afirma.

O especialista explica quais serão as formas que o Open Banking irá influenciar de forma direta a vida das pessoas e dos negócios.

O Open Finance vai influenciar na decisão financeira inteligente da sociedade, uma vez que as pessoas, com um clique e consentimento, conseguem centralizar os seus dados e ter uma visão mais fácil de qual produto financeiro é melhor para o contexto de vida de cada um.

Além disso, o Open Finance irá estimular empresas a fornecer produtos e serviços hiperespecializados, gerando como consequência a inclusão de desbancarizados e desfinanciados. É um mundo de oportunidades, principalmente para as empresas que buscam embarcar serviços financeiros nas suas soluções”, explica Leandro.

Publicidade
Comentários

MAIS ACESSADAS