Conecte-se conosco

Empresas

Cade libera aquisição de projeto eólico por empresa da Omega Energia e fundo

Empresa comprou ativos e direitos referentes parques eólicos nos municípios baianos de Gentio do Ouro e Xique-Xique.

Publicado

em

Uma unidade da Omega Energia recebeu o aval do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para compra de empreendimentos de geração eólica não operacionais na Bahia em parceria com um fundo de investimento.

De acordo com despacho no Diário Oficial da União desta sexta-feira, o acordo, aprovado sem restrições pelo Cade, foi fechado entre uma unidade da Omega Desenvolvimento, do mesmo grupo da listada Omega Geração, e o fundo FIP IEER.

Estão incluídos no negócio ativos e direitos referentes parques eólicos nos municípios baianos de Gentio do Ouro e Xique-Xique, projetos que serão implementados em duas fases.

O parecer do Cade mostra que, após a venda dos ativos, o FIP IEER poderá investir no desenvolvimento, implantação e operação dos parques eólicos por meio da aquisição de debêntures conversíveis em ações ordinárias a serem emitidas pela empresa que comprará os ativos, a Omega Desenvolvimento 4.

A Omega disse ao órgão regulador que a aquisição “representa uma importante oportunidade de construir novos parques eólicos”, completando que a energia a ser produzida deverá ser vendida no mercado livre de energia e “eventualmente” no mercado regulado, junto a distribuidoras.

“A operação representa uma boa oportunidade de negócios e parceria com a Omega Desenvolvimento”, disse a FIP IEER ao órgão antitruste.

Não há informações sobre os valores envolvidos no negócio ou sobre a capacidade dos projetos negociados.

Mesmo assim, o Cade entendeu que empresas não possuem participação suficiente no mercado capaz de causar prejuízos à concorrência com o acordo.

Continue lendo
Publicidade
Comentários