Conecte-se conosco

Bancos

Pix terá sistema para devolução de transferências e pagamentos até novembro

Pra dar mais segurança

Publicado

em

Pix

O Pix terá um sistema para devolução de transferências e pagamentos até novembro. Isso porque o sistema de transferências e pagamentos instantâneos caiu no gosto do brasileiro, mas o número de fraudes vem aumentando.

Assim, o Banco Central (BC) está desenvolvendo um mecanismo de devolução de valores transacionados para ser acionado em caso de suspeita de fraude ou falha operacional. A ferramenta entra em operação no dia 16 de novembro deste ano.

De acordo com a autoridade monetária, o sistema já possuía um mecanismo de devolução, mas funcionava apenas quando o usuário recebedor detectava algum erro na transação e devolvia os valores.

Pix: Banco Central estuda liberar transferências para outros países

Pix

Ainda de acordo com o BC, no mecanismo anunciado terça-feira quem faz essa devolução é a instituição em que o recebedor tem conta, seja por iniciativa própria ou por solicitação da instituição em que o pagador tem conta.

O banco disse ainda que a nova função viabiliza a devolução somente em casos de “fundada suspeita de fraude” ou em falhas operacionais.

E acrescentou: “no caso de transferências equivocadas, os recursos poderão ser devolvidos pelo usuário recebedor com a função que já existia anteriormente.”

Notificação

Outro ponto elencado pelo BC destaca que quem receber os recursos indevidamente, seja por fraude ou falhas operacionais, terá de ser notificado do débito em conta e a transação deverá constar no extrato de movimentações.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.