Conecte-se conosco

Empresas

Vallourec anuncia 3.000 demissões no mundo

A empresa francesa está desligandos suas atividades no mundo todo e pretende vir para o Brasil. Confira aqui!

Publicado

em

A Vallourec, fabricante francesa de tubos de aço fez um anúncio no dia 18 de maio de 2022 acerca da intenção de suprimir aproximadamente 2.950 cargos no mundo todo, sendo 320 deles na França, fazendo um confronto direito com o governo devido ao seus primeiro plano social desde que Élisabeth Borne assumiu o cargo de primeira-ministra.

Veja também: Funcionários da Apple ameaçam demissão em massa após decisão

Nesse sentido, a companhia anunciou em um comunicado uma redução de 2.400 postos de trabalho, e, sobretudo, em seguida, comunicou o fechamento de suas instalações que ficam localizadas na Alemanha, bem como a supressão de aproximadamente 550 postos de trabalho.

Vale enfatizar que, em meados de novembro do ano passado, depois de um longo processo de reestruturação financeira, a empresa já havia anunciado a colocação à venda de suas atividades na Alemanha, além da suspensão da fabricação na Europa de todas as suas tubulações voltadas à indústria. Posteriormente, a companhia previu a transferência de partes dessas atividades para o Brasil.

Em vista disso, de acordo com o CEO da empresa, Philippe Guillemot, as primeiras demissões devem ocorrer no final de 2022 e devem estender-se por todo o ano de 2023, em particular na Alemanha.

“Somos fatalistas, duvidamos disso (…) É o fechamento do local pura e simplesmente”, reagiu Michaël Tison, delegado sindical de Saint-Saulve, na saída da fábrica onde o anúncio foi feito aos funcionários. “A Vallourec teve dinheiro público para fazer investimentos no Brasil e no Chile, onde irão construir fábricas, e é a França que sofre as consequências”, relatou o CEO. No fim, quem vai beneficiar-se com isso será o Brasil.

Publicidade
Comentários

MAIS ACESSADAS