Conecte-se conosco

Ações, Units e ETF's

Ibovespa encerra em alta de 0,27%, aos 119.209 pontos

O dólar recuou 0,22%

Publicado

em

Bolsa de Valores: Falta de conhecimento faz investidor perder dinheiro

O Ibovespa encerrou o pregão desta segunda-feira (3) em alta de 0,27%, aos 119.209 pontos. O girou financeiro fechou em R$ 23 bilhões, 9% abaixo da média diária em 2021, de R$ 25,5 bilhões.

De acordo com o Valor Econômico, o principal destaque positivo das ações do índice veio dos grandes bancos, dominantes de 16,5% da carteira teórica.

Conforme o jornal, a alta da Selic – dada como certa — aos 3,5% ao ano nesta semana, favorece suas receitas, abrindo espaço para cobrar crédito mais caro da clientela.

No exterior, o índice de atividade (PMI, na sigla em inglês), nos Estados Unidos,  medido pelo Instituto para Gestão de Oferta (ISM) do setor industrial, ficou em 60,7 pontos em abril, aquém dos 64,7 pontos de março e da expectativa média de 65 pontos.

Do outro lado do oceano, o PMI da indústria na zona do Euro subiu de 62,9 pontos, em março, para 62,5, em abril, recorde pelo segundo mês consecutivo. O principal destaque do bloco foi o índice de 66,2 da Alemanha, maior economia do grupo, apesar do ligeiro recuo a partir dos 66,6 pontos do mês anterior.

Ibovespa encerra em alta de 0,27%, aos 119.209 pontos

Ibovespa – Dólar

Ainda de acordo com o jornal, após tocar R$ 5,3741 no fim da manhã, a moeda americana se acomodou e encerrou cotada a R$ 5,4188, baixa de 0,22%. No mesmo horário, o dólar cedia 0,26% contra o peso mexicano, 0,56% frente ao rand sul-africano e 0,52% ante a lira turca.

No Brasil, investidores aguardam eventos dos próximos dias: a decisão de juros do Copom, na quarta-feira, e a CPI da covid, que amanhã começa a ouvir ex-ministros da Saúde do governo Jair Bolsonaro.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.